Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Só entre nós

Só entre nós é um blog só para nós. Para escrevermos sobre aquilo em que pensamos, sobre o que gostamos, ou não, sobre viagens fabulosas, restaurantes, pessoas que admiramos, ou que nos deixam os cabelos no ar, livros lidos e muito mais.

Só entre nós

Só entre nós é um blog só para nós. Para escrevermos sobre aquilo em que pensamos, sobre o que gostamos, ou não, sobre viagens fabulosas, restaurantes, pessoas que admiramos, ou que nos deixam os cabelos no ar, livros lidos e muito mais.

The World's 50 Best Restaurants 2015

1.png

 

Decorreu ontem mais uma edição dos "The World's 50 Best Restaurants", pela primeira vez ao vivo (online) para todo o mundo e sabendo de antemão quais os restaurantes entre o 51º e o 100º lugar. Seguem algumas considerações sobre a cerimónia, que acompanhei na íntegra, e respetivos prémios:

- A pontualidade britânica já não é o que era. Já tinha passado meia hora e a cerimónia ainda não tinha começado (nem os convidados se sentavam, apesar dos pedidos feitos);

- O apresentador esteve muito bem, com humor q.b. e resumos interessantes dos trabalhos dos Chefs;

Madisonpark_2014_food_1.jpg

 

- A cerimónia do próximo ano terá lugar em Nova Iorque e, com esse anúncio, as apostas para melhor restaurante do mundo começaram a apontar para o Eleven Madison Park;

- Com a queda do Waku Ghin, The Fat Duck, Hof Van Cleve, Daniel, Geranium, De Librije, Coi, Vila Joya, and Martín Berasategui para a segunda metade da tabela, já se previam algumas entradas para os lugares cimeiros;

- E uma das entradas mais surpreendentes (ou talvez não) foi a do restaurante Alain Ducasse au Plaza Athénée para o 47º lugar, apesar de ter reaberto há pouco tempo;

Helene-Darroze-940x415-header.jpg

 

- Hélène Darroze recebeu o prémio de melhor Chef do mundo em 2015, e cumpriu o pedido para fazer um discurso curto;

Daniel-Boulud-940x400-1.jpg

 

- Daniel Boulud fez exatamente o oposto, e ao receber o prémio "Carreira" demonstrou o seu descontentamento por ainda ter muitos anos pela frente e por ter sofrido um trambolhão tão grande na tabela, discursando por longos minutos;

Daniel-Humm-Chefs-Choice-header-940x400.jpg

 

-  Daniel Humm venceu o galardão de melhor Chef do mundo em 2015 (sem discurso), o que aumentou ainda mais as expectativas quanto ao Eleven Madison Park;

Asador Etxebarri_Exterior_2015.jpg

 

- O Asador Etxebarri subiu 21 lugares para o 13º posto;

WhiteRabbit_interior_4_2015.jpg

  

- O White Rabbit surpreendeu ao entrar direto para o 23º lugar;

Pastry-chef-header-940x400.jpg

 

- Albert Adrià fez o pleno: o seu Tickets subiu para o 42º lugar e venceu o prémio de melhor Chef pasteleiro do ano (reforçando a grandeza da família Adrià);

Relae-940x425-header.jpg

 

- Relae, em Copenhaga, venceu o prémio de restaurante mais sustentável;

Sepia-header-940x425.jpg

 

- Sepia, em Sydney, é o restaurante a visitar em 2015;

17143098_7wkwa.jpeg

 

- O Azurmendi, de Eneko Atxa, subiu, com toda a justiça, para o 19º lugar;

a3.png

 

- Alex Atala viu o seu restaurante descer para o 9º lugar;

a2.png

 

- O Eleven Madison Park passou para o 5º lugar;

a1.png

 

- O Noma perdeu o lugar cimeiro, passando para um honroso terceiro lugar;

- A Osteria Francescana conseguiu o segundo lugar na tabela;

- E o Celler de Can Roca, para o qual já temos reserva, reconquistou o galardão de melhor restaurante do mundo.


Segue a lista dos 50 melhores restaurantes do mundo, com um domínio espanhol (7 restaurantes):

 

 

1-5.png

 

6-10.png

 

11-16.png17-20.png

  

21-25.png

 

Parabéns a todos.

 

2 comentários

Comentar post