Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Só entre nós

Só entre nós é um blog só para nós. Para escrevermos sobre aquilo em que pensamos, sobre o que gostamos, ou não, sobre viagens fabulosas, restaurantes, pessoas que admiramos, ou que nos deixam os cabelos no ar, livros lidos e muito mais.

Só entre nós

Só entre nós é um blog só para nós. Para escrevermos sobre aquilo em que pensamos, sobre o que gostamos, ou não, sobre viagens fabulosas, restaurantes, pessoas que admiramos, ou que nos deixam os cabelos no ar, livros lidos e muito mais.

Mandarim, Estoril

 

Há uns anos atrás, uma pessoa nossa conhecida falou-nos num restaurante de comida chinesa, chamado Mandarim, que ficava no casino do Estoril. Tinha sido considerado como um dos melhores restaurantes chineses do mundo e era frequentado por clientes chineses por se tratar de um dos poucos restaurantes de comida chinesa que não deturpava os sabores dos pratos mais típicos para agradar aos paladares ocidentais. Perante tal descrição, não perdemos tempo a visitá-lo.

 

 

Desde então, os anos têm passado e já não sei quantas vezes lá fomos. Mas foram muitas. E o resultado é sempre o mesmo. Enorme satisfação e vontade de regressar. O espaço é extremamente agradável, com salas interiores discretas, bem diferentes daquelas a que os outros restaurantes de comida chinesa nos habituaram, e a esplanada não podia ser melhor, com vista para o jardim em frente ao Casino e o mar ao fundo. O serviço é o que se espera para um restaurante deste género. Eficiente e educado.

 

 

Quanto à comida, existem duas hipóteses de escolha: a carta com centenas de pratos, onde se inclui a verdadeira sopa de ninho de andorinha e de barbatana de tubarão, ou o não menos famoso pato à Pequim; ou o dim sum, aos almoços de fim-de-semana, que tem sido sempre a nossa escolha ao longo dos anos.

 

 

E o que é o dim sum? É um estilo típico de cozinha cantonesa, composto por diversos dumplings e mini-pratos que escolhemos de uma lista colocada em cada mesa, cozinhados ao vapor e, maioritariamente, servidos nos cestos onde são cozinhados. A variedade é excelente e o sabor... Bem, o melhor é irem e experimentarem.

 

 

Quanto à afirmação de que a comida servida é igual à verdadeira cozinha chinesa, não podiam restar grandes dúvidas, porque o restaurante tem sempre clientes chineses a comer. Mas sim, é verdade. Agora que já fomos à China podemos concordar. E é melhor do que a comida chinesa normalmente servida em Portugal? Digo apenas que é diferente. E muito boa.

 

 

Por fim, o preço. Um dos melhores restaurantes de comida chinesa do mundo, premiado, localizado no Estoril, com vista mar, excelente comida... Seria de esperar preços altos, certo? Não. É claro que depende (há sopas a sessenta euros). Mas a verdade é que o preço é bastante razoável para a qualidade e quantidade servida.

 

 

Por tudo isto, nada como um passeio até ao Estoril e aproveitar para experimentar a verdadeira cozinha chinesa, num restaurante de grande qualidade, com uma vista ainda melhor.

{#emotions_dlg.blink}

7 comentários

Comentar post