Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Só entre nós

Só entre nós é um blog só para nós. Para escrevermos sobre aquilo em que pensamos, sobre o que gostamos, ou não, sobre viagens fabulosas, restaurantes, pessoas que admiramos, ou que nos deixam os cabelos no ar, livros lidos e muito mais.

Só entre nós

Só entre nós é um blog só para nós. Para escrevermos sobre aquilo em que pensamos, sobre o que gostamos, ou não, sobre viagens fabulosas, restaurantes, pessoas que admiramos, ou que nos deixam os cabelos no ar, livros lidos e muito mais.

É do hospital?

 

Depois do telefonema do outro dia, foi a minha vez de receber um telefonema caricato. O local onde trabalho fica perto de um hospital e, talvez por isso, os números de telefone fixo são parecidos, o que faz com que, muitas vezes, receba chamadas de pessoas que queriam telefonar para o hospital.

"Passe-me ao serviço x."

"A que horas são as visitas?"

"Passe-me ao Dr. y."

"Eu queria saber como está o doente x."

 

Sempre que atendo uma destas chamadas, esclareço à pessoa que não está a telefonar para o hospital e, do outro lado, ouço um pedido de desculpa. Porém, o último telefonema foi ligeiramente diferente.

 

"Bom dia, queria falar com o Dr. José.", pediu um homem.

"Lamento, mas não trabalha aqui nenhum Dr. José.", respondi.

"Ai trabalha, trabalha!", exclamou. "Dr. José!"

"Não, não trabalha."

"Mas eu estou, ou não estou, a telefonar para o serviço de xxx?"

"Não, não está. Está a telefonar para..."

"Não.", interrompeu-me. "Eu sei que trabalha aí o Dr. José. Jo-sé!", repetiu, devagar, como se eu não tivesse percebido das outras cem vezes.

"Já lhe disse que não! Não está a telefonar para nenhum hospital!", respondi, preparado para desligar o telefone na cara do homem. Até que o ouvi falar e aproximei novamente o telefone da orelha.

"Mas eu sei que estou a ligar para o sítio certo, porque tenho o número aqui escrito à minha frente!"

"Então leia lá o número!", pedi.

"21xxxxxxx."

"Pois. Mas este é o 21xxxxxyy.", afirmei, satisfeito.

"Ah, então afinal é engano..."

 

Haja paciência!

{#emotions_dlg.blink}