Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

soentrenos

A falta de veracidade e cuidado nas notícias

fake.jpg

 

Ainda a propósito do Guia Michelin Portugal 2017, faltou comentar aqui no blog as reportagens feitas pela televisão naquele dia. Em vários canais ouvi coisas que me deixaram de boca aberta e de pé atrás, como por exemplo:

- O L.A. Vineyards voltou a conseguir uma estrela - Presumo que seja um restaurante em Los Angeles...

- O LOCO conseguiu uma estrela ao fim de vários anos - Anos???????

- Avillez conquistou a sua segunda estrela - A sério? Esta é que eu não sabia... Com que restaurante?

- The Yeatman duplicou o seu número de estrelas - Duplicou? Sim, quer dizer, passou de uma para duas, mas duplicou?? Enfim... Quando o máximo são três, se calhar dizer que as estrelas duplicaram é um pouco excessivo...

 

Mas houve mais, com trocas de terras e trocas de nomes de Chefs. Tanto por parte dos jornalistas na cerimónia e nos restaurantes premiados, como por parte dos apresentadores dos telejornais.

 

E o que é que isto quer dizer? Que, claramente, esta gente não estava preparada. Mas ainda quer dizer outra coisa.

 

Se me apercebo destes erros num tema que domino, isso quer dizer que noutros temas que não domine também há uma série de erros e "absorvo" esses mesmos erros sem dar por nada?

 

Será verdade aquele estudo recente norte americano que diz que 80% das notícias divulgadas têm, pelo menos, um erro, havendo um grande número percentual de notícias falsas? É bem capaz...

2 comentários

Comentar post