Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Só entre nós

Só entre nós é um blog para escrevermos sobre aquilo em que pensamos, aquilo de que gostamos ou não, sobre bons e maus momentos, restaurantes fantásticos, viagens fabulosas ou nem tanto... No fundo, sobre tudo.

Só entre nós

Só entre nós é um blog para escrevermos sobre aquilo em que pensamos, aquilo de que gostamos ou não, sobre bons e maus momentos, restaurantes fantásticos, viagens fabulosas ou nem tanto... No fundo, sobre tudo.

30 Perguntas para quem anda de comboio (e não só)

ngB77FDA8A-6843-4B23-B56A-86C9C3490041.jpg

 

Porque andar de comboio nem sempre é maravilhoso, deixo 30 perguntas para quem tem de regularmente usar este meio de transporte:

  • Porque é que temos de fumar dois maços de tabaco enquanto esperamos pelo comboio?
  • Porque é que há sempre quem leve as pernas esticadas, obrigando os outros a um espetáculo de contorcionismo para se sentar?
  • Porque é que a maioria dos passageiros fica momentaneamente cega quando o comboio está cheio e aparece uma grávida, alguém com um filho de colo ou problemas de mobilidade?
  • Porque é que há tanta gente que cheira tão mal logo de manhã e a caminho do trabalho?
  • Porque é que uma mala, no corredor e encostada ao banco, é sucessivamente pontapeada, apesar de haver espaço suficiente para as pessoas passarem sem ter de bater na mala?

 

  • Porque é que os assentos são tão confortáveis para os pés dos outros?
  • Porque é que nas laterais dos bancos é sempre possível encontrar um resto de comida?
  • Porque é que o ar condicionado é ligado no Inverno (quando se tem sorte) e no Verão ouvimos "isso não é possível, o melhor é abrir a janela"?
  • Porque é que há quem decida levar 32 sacos para dentro do comboio, distribuí-los por um igual número de bancos, e fingir que não vê que há pessoas que não têm lugar para se sentar?
  • Porque é que há sempre algum corredor de maratona no comboio, normalmente a fugir do "pica"?

 

 

  • Porque é que há aqueles que são, diariamente, perdoados por não terem validado o bilhete?
  • Porque é que os que nunca se esquecem de validar o bilhete há cinco anos e, num dia em que tiveram de correr para apanhar o comboio não conseguiram validar o bilhete, não têm direito a perdão e levam logo com uma multa?
  • Porque é que aqueles que têm bafo de onça (infelizmente são muitos) direcionam sempre o bafo para a nossa cara?
  • Porque há quem goste de ler em voz alta?
  • Porque é que o livro da vizinha é sempre melhor do que o próprio?

 

  • Porque é que quando alguém atende o telefone, os outros ao lado ficam calados para ouvir a conversa?
  • Porque é que há sempre quem se queixe dos médicos?
  • Porque é que há revisores que sorriem quando fecham a porta na cara de pessoas?
  • Porque é que há passageiros que parecem concorrentes do Ídolos?
  • Porque é que há passageiros que parecem concorrentes do Masterchef, passando uma viagem a ditar receitas aos que vão ao lado?

 

  • Porque é que há sempre alguém a bordar/cozer/tricotar/fazer ponto cruz, e ocupa o lugar do lado com as suas traquitanas?
  • Porque é que as mulheres que vão de pé no corredor não tentam evitar que as suas "malonas" batam nas cabeças dos que vão sentados?
  • Porque é que há pais que deixam que os filhos vão com os pés em cima dos bancos, minutos depois de terem andado a chapinhar na poça enlameada?
  • Porque é que há quem fale ao telefone na primeira carruagem e se faça ouvir na última?
  • Porque é que há sempre quem queira meter conversa com estranhos?

 

  • Porque é que, por vezes, temos de ser as almofadas dos que vão ao lado e adormecem?
  • Porque é que, muitas vezes, temos de levar com a música que os outros ouvem aos altos berros?
  • Porque é que há homens que não entendem que devem deixar as senhoras passar primeiro?
  • Porque é que há sempre perigo de atropelamento de cada vez que as portas se abrem?
  • Porque é que há quem vá a carregar no botão para abrir a porta, ainda antes do comboio chegar à estação?

Resumindo, porque é que há tanta gente que não conhece as mais básicas regras de educação?

 

17 comentários

Comentar post