Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Só entre nós

Só entre nós é um blog só para nós. Para escrevermos sobre aquilo em que pensamos, sobre o que gostamos, ou não, sobre viagens fabulosas, restaurantes, pessoas que admiramos, ou que nos deixam os cabelos no ar, livros lidos e muito mais.

Só entre nós

Só entre nós é um blog só para nós. Para escrevermos sobre aquilo em que pensamos, sobre o que gostamos, ou não, sobre viagens fabulosas, restaurantes, pessoas que admiramos, ou que nos deixam os cabelos no ar, livros lidos e muito mais.

Ferrugem - Garantia 2016

A garantia.png

 

Há restaurantes onde podemos ir centenas de vezes que sabemos que teremos sempre uma ótima refeição. Restaurantes sem grandes falhas, onde existe uma garantia de qualidade na comida e no serviço. Entre os restaurantes que visitámos em 2016, houve um que provou isso mesmo.

 

O Ferrugem, perto de Vila Nova de Famalicão. Refeição quase perfeita, num ambiente muito acolhedor.

 

Prémios Só entre nós 2016

Mais categorias aqui 

 

Acompanhem-nos também no Instagram, Twitter e Facebook.

Promessas sexuais para quem quiser ouvir

 

Sabiam que quando estão a falar ao telemóvel no carro, utilizando o sistema bluetooth, é possível a quem passa na rua ouvir o que estão a dizer ao telefone? Principalmente se estiverem com o volume alto e o carro parado? Já pensaram nisso? Aparentemente uma senhora que estava dentro do carro estacionado na 5 de Outubro nunca pensou no assunto... Resultado?

 

Todos os que passavam na rua podiam ouvir o que é que o marido/namorado/amante/pretendente dizia que ia fazer assim que ela chegasse a casa. Sem qualquer pudor nas palavras ou pormenores. Nem o homem julgava que estava a falar para quem quisesse ouvir, nem a mulher se apercebeu que todas aquelas promessas sexuais estavam a ser ouvidas por quem passava no passeio.

 

Uns riam-se à gargalhada, outros passavam e espantavam-se com o que se estava a passar e outros, como eu, riam e procuravam a câmara escondida do programa de apanhados. É que isto é muito mau para ser verdade...

 

Acompanhem-nos também no Instagram, Twitter e Facebook.

A Taberna da Rua das Flores - Melhor restaurante diário 2016

Melhor rest diário.png

 

Existe um pequeno refúgio, no movimentado Chiado, que é visita obrigatória de quase todos os Chefs quando passam por Lisboa. Nacionais ou estrangeiros. Basta ver nas redes sociais a quantidade de Chefs famosos e repletos de estrelas que não dispensam uma passagem por esse restaurante, de nome A Taberna da Rua das Flores, cuja cozinha está a cargo do Mestre André, uma verdadeira enciclopédia ambulante no que respeita a gastronomia.

 

 

Mas eles não vão lá pelos lindos olhos do Mestre André. Vão lá porque a comida é muito boa, autêntica e ao mesmo tempo criativa. Os comuns mortais vão lá por isso tudo e também por causa dos preços, que não escandalizam ninguém, bem pelo contrário.

 

 

O nome não engana. Tem o estilo de uma taberna. Mas não se preocupem que não se enquadra no perfil de O Pesadelo na Cozinha. 

 

Face aos preços acessíveis, à (muita) qualidade do que é servido, à simpatia do serviço e ao ambiente de taberna, a Taberna da Rua das Flores é a vencedora na categoria melhor restaurante diário 2016.

 

Prémios Só entre nós 2016

Mais categorias aqui 

 

Acompanhem-nos também no Instagram, Twitter e Facebook.

O divórcio está banalizado???

divorcio.jpg

 

Na semana passada fiquei a saber que mais um casal da minha família se vai divorciar (já são mais os divorciados do que aqueles que continuam casados com o mesmo companheiro de sempre).

 

Ele traiu-a, ela desconfiou, ele confessou e entre a mulher e amante escolheu a amante. (Sim, foi uma escolha dele. Seria normal que face a uma traição a mulher não o quisesse mais, mas neste caso não é assim).

 

História já vista e revista, tanto na realidade como na ficção.

 

O mais surreal para mim é que os filhos não ficaram incomodados com a situação (todos na casa dos 30). Acharam normal.

 

"O pai está apaixonado."

"Ele está mais feliz com a outra."

"Se ele não estava feliz já deveria ter ido embora há mais tempo."

 

A sério?? O divórcio é assim tão comum que já se tornou banal? Algo normal que acaba por acontecer mais cedo ou mais tarde?

 

Não interessa se o pai traiu a mulher com quem estava há mais de 30 anos? Não interessa se andou a traí-la por largos meses? Não interessa que a mãe fique agora sozinha?

 

Pode dar ideia que os filhos não gostam da mãe, mas não é nada disso. Parece-me que nem tomaram um lado. Simplesmente aceitaram esse facto com total normalidade.

 

Mas será que isso é bom? É evidente que é muito melhor do que haver grandes dramas e sofrimento, mas não quererá dizer algo?

 

Será que o casamento deixou de ser encarado como algo para uma vida?

 

Eu não entendo que um casal tem de ficar junto toda a vida independentemente de gostarem ou não do outro. Eu não defendo que um casamento se deva manter por causa de filhos. E considero que é muito melhor terminar uma relação do que andar um dos membros do casal a trair o outro.

 

Mas é esta aparente banalização que me incomoda...

 

Acompanhem-nos também no Instagram, Twitter e Facebook.

Belcanto - Melhor serviço 2016

Melhor serviço.png

 

Felizmente temos cada vez mais restaurantes em Portugal com um serviço impecável. Atencioso, educado, sem conversas despropositadas, e constantemente preocupado com a satisfação do cliente.

 

Mas há um que, a meu ver, se destaca. Em quatro visitas ao Belcanto nunca houve nenhum ponto negativo a salientar. E 2016 não foi exceção. A começar pelo Luís Reis, Chefe de sala, sempre simpático, educado e atencioso, que não se esquece dos clientes frequentes e faz questão de mostrar isso mesmo, passando por todos os elementos da equipa do restaurante.

 

Tudo é perfeito, e a atenção e cuidado que tiveram com o nosso filho bebé aquando da última visita comprova isso mesmo.

 

Prémios Só entre nós 2016

Mais categorias aqui 

 

Acompanhem-nos também no Instagram, Twitter e Facebook.

Lista negra das Amêndoas da Páscoa!

amêndoas.jpg

 

Segundo as regras de boa educação que me foram transmitidas, na Páscoa é tradição oferecer amêndoas às pessoas de que gostamos. Se a Páscoa é passada com familiares, é normal levar amêndoas a esses familiares.

 

Não devo ser o único a fazer isso, porque todos os anos o ritual nos supermercados é o mesmo - encher carrinhos de supermercados com todas as variedades de amêndoas e, nos últimos dias antes da Páscoa, ver as prateleiras vazias e pessoas desesperadas por um pacote de amêndoas para o tio X de que se tinham esquecido.

 

Como tal, todos os anos eu e a minha mulher compramos amêndoas para oferecermos aos nossos familiares. Porém, e depois deste ano, o ritual vai mudar. E porquê? Porque a estupidez tem limites.

 

Que sentido é que faz comprar amêndoas da Páscoa a pessoas que não ligam nenhuma a isso, nem têm amêndoas para nos dar? Só para ajudar os produtores e restantes operadores económicos?

 

Porque é que vou gastar 7 euros numa caixa de amêndoas para um tio que não tem qualquer amêndoa para me dar? Que nem quer saber? Se ele não liga a isso, porque é que eu hei-de ligar?

 

Eu não preciso que me ofereçam amêndoas. Felizmente posso comprar as caixas que quiser. Mas, repito, é uma tradição e uma questão de educação. Por isso, se não lhe fazem falta nem lhe interessam, melhor. Não dou.

 

Este ano demos uma caixa a um primo e namorada e para nós? Nada.

Uma caixa a um tio e mulher e para nós? Nada.

 

Por isso sabem que mais? Esta regra da boa educação vai ser dobradinha e colocada no bolso. E na próxima Páscoa não há amêndoas para estes. Entram na lista negra das amêndoas da Páscoa.

 

E esta situação não se aplica apenas à Páscoa... Quantas vezes damos uma lembrança no Natal a familiares que em troca nada dão? Lista negra do Natal!!

 

Acompanhem-nos também no Instagram, Twitter e Facebook.

Pequenos-almoços nos hotéis

IMG_REG543_5105.jpg

 

Frequentemente somos confrontados com preços astronómicos praticados pelos hotéis para os pequenos-almoços, e é algo que eu continuo a não perceber.

 

Ainda hoje, ao ver um pequeno hotel rural no Algarve, verifiquei que pediam €15,00 por pessoa por dia para tomar pequeno-almoço. Ora desde quando é que uma pessoa consome o correspondente a €15,00 por dia ao pequeno-almoço?

 

Claro que se um cliente acordar tarde e for para o pequeno-almoço com o intuito de aí comer logo o suficiente para saltar o almoço, então talvez até faça um bom negócio.

 

Mas o normal é ir tomar o pequeno-almoço para, imaginem só, tomar o pequeno-almoço. E como o nome indica, o pequeno-almoço é... pequeno.

 

Eu sei que muitos portugueses, e não só, quando estão num hotel sentem-se livres para comer este mundo e o outro (e contra mim escrevo…). Só se come um pãozinho com manteiga e um copo de leite todos os dias, mas chega-se ao hotel e vai um pão com Nutella, outro com doce, um croissant com creme, outro com chocolate, salsichas, ovos (mexidos, estrelados e omelete com 25 ingredientes), batatas com tomate e pimentos, uma salada também marcha, e no fim fruta (que tem de se ter atenção à linha) e um pastel de nata.

 

Mesmo assim, €15,00 por dia e por pessoa? Num hotel rural onde pouco mais há do que o básico?

 

E €15,00 não é o pior. Já chegámos a apanhar pequenos-almoços a €30,00.

 

Percebo que todos queiram ganhar lucro em tudo o que possam, mas sabem que mais? Com preços destes já esqueci aquele hotel. O pequeno-almoço deve ser ótimo, mas não justifica estes preços.

Os 50 melhores restaurantes do mundo (2017)

danielhumm_color.jpg

 

Depois de conhecermos a segunda parte da lista dos melhores restaurantes do mundo para 2017, onde surge o Belcanto, de José Avillez, chegou a hora de nos ser apresentada a primeira parte da lista. 

 

E o grande vencedor é Eleven Madison Park (como previsto)

 

Em segundo lugar Osteria Francescana Análise no blog Só entre nós - AQUI

 

Em terceiro lugar El Celler de Can Roca Análise no blog Só entre nós - AQUI

 

Em quarto lugar Mirazur

 

Em quinto lugar Central

 

Em sexto lugar Asador Etxebarri

 

Em sétimo lugar Gaggan

 

Em oitavo lugar Maido

 

Em nono lugar Mugaritz

 

Em décimo lugar Steirereck

 

Houve apenas duas saídas do top 10. Narisawa, que passou para 18º lugar e Noma que desaparece da lista! Consequentemente houve a entrada de Maido (13º para 8º lugar) e Gaggan (23º para 7º)

 

Relembro o top 10 de 2016:

No.1 OSTERIA FRANCESCANA - Análise no blog Só entre nós - AQUI

No.2 EL CELLER DE CAN ROCA - Análise no blog Só entre nós - AQUI

No.3 ELEVEN MADISON PARK 

No.4 CENTRAL

No.5 NOMA 

No.6 MIRAZUR

No.7 MUGARITZ

No.8 NARISAWA

No.9 STEIRERECK

No.10 ASADOR ETXEBARRI

Lista completa:

1. Eleven Madison Park, New York (USA) - BEST RESTAURANT IN NORTH AMERICA and BEST RESTAURANT IN THE WORLD

2. Osteria Francescana, Modena (Italy) - BEST RESTAURANT IN EUROPE

3. El Celler de Can Roca, Girona (Spain)

4. Mirazur, Menton (France)

5. Central, Lima (Peru) - BEST RESTAURANT IN SOUTH AMERICA

6. Asador Etxebarri, Atxondo (Spain)

7. Gaggan, Bangkok (Thailand) – BEST RESTAURANT IN ASIA

8. Maido, Lima (Peru)

9. Mugaritz, San Sebastian (Spain)

10. Steirereck, Vienna (Austria)

11. Blue Hill at Stone Barns, Tarrytown (USA) – HIGHEST CLIMBER AWARD

12. Arpège, Paris (France)

13. Alain Ducasse au Plaza Athénée, Paris (France)

14. Restaurant André, Singapore (Singapore)

15. Piazza Duomo, Alba (Italy)

16. D.O.M. , Sao Paulo (Brazil)

17. Le Bernardin, New York (USA)

18. Narisawa, Tokyo (Japan)

19. Geranium, Copenhagen (Denmark)

20. Pujol, Mexico City (Mexico)

21. Alinea, Chicago (USA)

22. Quintonil, Mexico City (Mexico)

23. White Rabbit, Moscow (Russia)

24. Amber, Hong Kong (Hong Kong)

25. Tickets, Barcelona (Spain)

26. The Clove Club, London (UK)

27. The Ledbury, London (UK)

28. Nahm, Bangkok (Thailand)

29. Le Calandre, Rubano (Italy)

30. Arzak, San Sebastian (Spain)

31. Alléno Paris at Pavillon Ledoyen, Paris (France) – HIGHEST NEW ENTRY

32. Attica, Melbourne (Australia) - BEST RESTAURANT IN AUSTRALASIA

33. Astrid Y Gastón, Lima (Peru)

34. De Librije, Zwolle (Netherlands)

35. Septime, Paris (France) – STUSTAINABLE RESTAURANT AWARD

36. Dinner by Heston Blumenthal, London (UK)

37. Saison, San Francisco (USA)

38. Azurmendi, Larrabetzu (Spain)

39. Relae, Copenhagen (Denmark)

40. Cosme, New York (USA)

41. Ultraviolet, Shanghai (China)

42. Boragò, Santiago (Chile)

43. Reale, Castel di Sangro (Italy)

44. Brae, Birregurra (Australia)

45. Den, Tokyo (Japan)

46. L’Astrance, Paris (France)

47. Vendôme, Bergisch Gladbach (Germany)

48. Restaurant Tim Raue, Berlin (Germany)

49. Tegui, Buenos Aires (Argentina)

50. Hof Van Cleve, Kruishoutem (Belgium)

 

Alguns Apontamentos:

Dominique Ansel venceu o prémio de melhor Chef pasteleiro

Septime venceu na qualidade de restaurante sustentável

Maior entrada para Pavillon Ledoyen 72 para 31

Heston Blumenthal recebeu o prémio carreira

Disfrutar foi eleito o restaurante a ter em atenção

Ana Ros recebeu o prémio de melhor Chef mulher do mundo

A escolha dos Chefs foi para Virgilio Martinez, do Central

Prémio hospitalidade para El Celler de Can Roca (análise aqui)

Maior subida para Blue Hill at Stone Barns - 48 para 11 (tal como se esperava)

 

Descidas:

Tim Raue - 34 para 48

Vendôme - 35 para 47

Azurmendi - 16 para 38

Arzak - 21 para 30

Le Calandre - 39 para 29

Nahm - 37 para 28

Ledbury - 14 para 27

Alinea - 15 para 21 (nada como estava previsto)

Narisawa - 8 para 18

D.O.M. - 11 para 16

O DiverXO saiu da lista (!!!)

 

Subidas:

L'Astrance - 57 para 46

Den - 77 para 45

Brae - 65 para 44 (correto com a previsão)

Dinner - 45 para 36

Cosme - 96 para 40!!!!

Attica sobe um lugar - 33 para 32

Pujol - 25 para 20

Geranium - 28 para 19

Le Bernardin - 24 para 17

André - 32 para 14

Alain Ducasse Plaza Athénée - 58 para 13

Arpège - 19 para 12

Ground Burger - Melhor hambúrguer 2016

Melhor Hambúrguer.png

 

Depois da melhor pizza de 2016, chegou a vez do melhor hambúrguer de 2016.

 

E o vencedor é o incrível Ground Burger em Lisboa.

 

Chili burger.png

 Chili burger

Quando eu quero comer um hambúrguer, quero encontrar um bom pão (nem maçudo, nem muito adocicado, nem artificial), boas batatas fritas (nem salgadas nem insossas, estaladiças e quentes), carne e restantes ingredientes de qualidade e excelentes combinações.

 

Muitas vezes, o que acontece é que há ótimos restaurantes que preenchem quase todos os requisitos, mas há um ou outro que falha. No Ground Burger não.

 

Cheese burger.png

Cheese burger

Juntem a isto tudo, um espaço agradável, empregados muito simpáticos e disponíveis e um ambiente bastante kids friendly.

 

Há muitos que se queixam do preço, mas tendo em conta o que se come, não vale a pena entrarmos em discussões ou comparações.

 

Bacon cheese burger.png

Bacon cheese burger 

Só entre nós, os hambúrgueres do Ground Burger foram os que conquistaram os nossos corações em 2016.

Os rumores sobre os 50 best restaurants de 2017

Previsões.png

 

Já falta muito pouco para serem revelados os 50 melhores restaurantes do mundo (segunda parte da lista aqui) e, por isso, já são muitos aqueles que tentam adivinhar o que vai acontecer. 

 

Ficam aqui alguns dos rumores partilhados na internet. Reitero que são apenas "rumores". 

 

- Parece que o Grant Achatz, do restaurante Alinea em Chicago, levou vários membros do restaurante para  Austrália. Será sinal de entrada no top 10? Top 5? Relembro que em 2016 o Alinea ficou em 15º lugar. 

 

- Penso que poucos estão à espera de um regresso do Noma ao primeiro lugar já este ano, principalmente atendendo às mudanças que estão a ser feitas no mesmo, e parece que o próprio Rene Redzepi também não está confiante, uma vez que não vai estar presente na cerimónia por razões profissionais. Em 2016 o Noma ficou em 5º lugar.

 

- Este vai ser o ano do Eleven Madison Park e de Daniel Humm. Não é um rumor novo (já o ano passado dizia-se o mesmo), mas este ano deve ser mesmo verdade. E porquê? O Eleven Madison Park está em 3º lugar e no ano passado, como a cerimónia teve lugar em Nova Iorque, muitos dos que votam tiveram a oportunidade de visitar o restaurante. Ou seja, o Eleven Madison Park, graças à visibilidade que teve em 2016, é bem capaz de ter conseguido um grande número de votos. E com isso subir mais dois lugares na lista.

 

- De igual modo o Blue Hill at Stone Barns, em Pocantino Hills (perto de Nova Iorque e atualmente em 48º lugar) também deve beneficiar da visibilidade que teve e subir uns lugares na lista.

 

- Se uns apostam todas as fichas no Eleven Madison Park, outros descem um pouco geograficamente e avançam com o Central, de Virgilio Martínez, em Lima, Perú. Há quem garanta que é ele que vai retirar a Osteria do primeiro lugar. Está atualmente em 4º lugar.

 

- Parece certa a descida da Osteria Francescana (análise ao restaurante aqui).

 

- Brae, na Austrália (atualmente 65º lugar) está nas apostas em como vai subir, tal como o Attica (também na Austrália e em 33º lugar).

 

- Como se percebeu com a divulgação da segunda parte da lista, o Pavillon Ledoyen, em Paris, desapareceu do top 51º - 100º. Uma vez que o Chef vai estar na cerimónia, é mais do que provável que tenha passado do 72º lugar para os primeiros 50.

 

Vale o que vale, mas deixo as minhas previsões para o Top 5:

1º Eleven Madison Park

2º El Celler de Can Roca

3º Central

4º Osteria Francescana

5º Alinea?!

 

Resta-nos aguardar!

 

Já agora, quais são as vossas previsões?

 

Fonte

Pág. 1/2